Connect with us

NOS Alive’22: LEFTY mantêm o rock vivo

Foto: Lefty @NOS Alive - © Hugo Macedo

Festivais

NOS Alive’22: LEFTY mantêm o rock vivo

Banda recebeu os primeiros festivaleiros com muito rock and roll.

O quarteto português de pop-rock, formado por Leonor Andrade (voz), João Nobre (baixo), Pablo Banazol (guitarra) e Dani (bateria), iniciou as hostes do palco Heineken com muita energia, uma demonstração de força e, claro, uma certeza: o rock está vivo!

Relacionado: NOS Alive’22: Já começou!.

O disco de estreia, Andrómeda, lançado em 2021, serviu de guia para esta viagem sonora, a fazer lembrar as bandas de garagem punk do final dos anos 80 e início dos 90, e a que se juntaram vários festivaleiros, com (também) sede de música ao vivo.

O alinhamento do concerto quase igualou o do álbum. A Quarto 25 seguiram-se O Amor Chegou, Fiança e Cais. Numa altura em que a banda já se mostrava bastante confortável em palco, Leonor Andrade, incansável na entrega ao espetáculo, anunciou Escuridão, tema ainda não editado, e foi protagonista de Daft Punk Is Playing At My House, cover de LCD Soundsystem.

Relacionado: Cancelada presença de Glass Animals no NOS Alive’22.

A caminho do final, mais uma novidade apresentada, com Ás de Paus, também não editado, e o regresso à galáxia de Lefty consumou-se, com Camel, Sede, o primeiro single do grupo, e Tracy.

A atitude punk dos Lefty não terá passado despercebida, naquela que foi a primeira atuação da banda num festival de verão de grande dimensão e que caracterizam como “um sonho estar aqui”. Que ótima forma de regressar ao Passeio Marítimo de Algés.

Relacionado: NOS Alive’22: Programação completa.

Setlist:
Intro + Quarto 25
O Amor Chegou
Fiança
Cais
Escuridão
Paranóia
Daft Punk Is Playing At My House (LCD Soundsystem cover)
Ás de Paus
Camel
Sede
Tracy + Chave

Continue Reading

Mais em Festivais

Advertisement

Mais Lidas

Advertisement
To Top