Connect with us

Cláudio Ramos defende Catarina Furtado!

Foto: Catarina Furtado e Cláudio Ramos - Instagram @catarinafurtadooficial @claudio_ramos

Gossip

Cláudio Ramos defende Catarina Furtado!

Cláudio Ramos, como comentador, fez questão de falar no assunto que está a causar um alvoroço nos ‘midia’: o inglês da Catarina Furtado na 1ª semifinal do Festival Eurovisão da Canção 2018.

Apesar do apresentador e comentador Cláudio Ramos ter assumido não ter nenhum elo de relação com Catarina Furtado (até porque ela não gosta dele), decidiu publicar no seu blog “Eu, Cláudio” um texto alusivo à situação que está a acontecer com a apresentadora da RTP.

O comentador decidiu não ficar “quieto, calado e de braços cruzados a ver ser crucificada na imprensa e internet a apresentadora que, ao lado das quatro colegas terá dado o seu melhor.”

Relacionado: Catarina Furtado: ‘visivelmente nervosa’. Descobre aqui o porquê.

Publicação de Cláudio Ramos

Cláudio Ramos começou por argumentar que o nervosismo de Catarina Furtado era compreensível visto estar a assegurar um trabalho de tremenda responsabilidade: “Além de ter a certeza que qualquer apresentadora deste País gostaria de estar naquele palco, importa esclarecer, que o papel das quatro era de uma responsabilidade enorme, naturalmente apoderadas de alguns nervos que jamais irão sentir nas suas carreiras e agarradas ao profissionalismo de cada uma, apoiadas umas nas outras e na bagagem que têm, deram o seu melhor.”.

A seu ver, foi um espectáculo de televisão bonito, do qual todos os portugueses se devem orgulhar, daí não achar justo que depois de uma prestação destas existam pessoas a criticar o trabalho feito pela apresentadora.

Texto de Cláudio Ramos

Também no seu ponto de vista, as críticas dos internautas e da imprensa não se dirigem à prestação ” menos boa” de Catarina Furtado, mas sim, resultante de uma “busca desesperada por um erro”: “(…) as pessoas não gostam de elogiar de forma clara e verdadeira. Gostam de semi-elogiar, ou seja, elogiam, quase sempre na expectativa do primeiro erro para que se possa atacar e assistir de bancada à queda do elogiado. Foi o que aconteceu aqui.”.

O conselho que Cláudio Ramos deixa aos portugueses é que devem passar por cima do que correu menos bem no festival e “enaltecer o bom que tudo aquilo foi”, até porque “ninguém erra numa posição desta voluntariamente. Está ali uma preparação exaustiva…”.

A verdade é que a apresentadora bem como os restantes envolvidos na organização deste festival, de grande orgulho para os portugueses, têm manifestado e confessado fazer os seus trabalhos com um enorme esforço e dedicação para que tudo corra dentro dos conformes: “Estamos a trabalhar muito para dar o nosso melhor, espero que gostem.”, disse Catarina Furtado numa das publicações que fez nesta 1ª semifinal da Eurovisão.

Sabe mais:
– José Carlos Malato: quase que se lhe “gelava o coração”
– Selena Gomez responde a críticas com bom-humor
 – Pedro Granger descobriu na Eurovisão ter irmão mais novo
– “Casa” em 1º lugar no top nacional de vendas


Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Mais em Gossip

To Top